Como escolher uma mascote para uma marca? Conheça algumas famosas

Como escolher uma mascote e dar mais criatividade à identidade visual de uma marca? E por que fazer isso?

Bem, vamos começar pelo histórico de mascotes, bem antes de conceitos como marketing e branding se tornarem populares.

Quer ver só? Você certamente lembrará da figura do senhor da caixa da Aveia Quaker. Não lembra? Ou de algum outro produto de quando era criança que tinha uma figura significativa.

Quer fazer outro teste? Sucrilhos, te lembra o que? Certamente junto com a lembrança do sabor e de algumas refeições, a imagem que você tem é também a do tigre, mascote da marca.

Atualmente, somos cercados por uma variedade de mascotes. Isso acontece porque as marcas se deram conta do apelo visual, da importância que um figura tem como forma de aproximar seu público-alvo e da importância para os negócios.

Vamos explorar mais esse assunto?

Como escolher uma mascote para uma marca e por que fazer isso

No marketing e no design a mascote é uma imagem personificada que representa uma marca, empresa ou figura pública.

Historicamente, a mascote era vista como um símbolo de boa sorte. A origem da palavra, inclusive, aponta para isso: o termo original do francês “mascotte”, significa amuleto da sorte. Então esse pode ser o motivo pelo qual se tornou tão popular nessas áreas.

É importante entender que as mascotes representam visualmente a marca, enquanto passam uma mensagem cativante e persuasiva.

Você deve lembrar também sobre a presença dessas figuras nos esportes. Os personagens dos Jogos Olímpicos, por exemplo.

Nesse segmento esses personagens não são apenas uma questão de união e apoio. Eles são um grande negócio com produtos de merchandising. As pessoas compram uma lembrança do evento e mostram seu apoio a equipe, país ou até um atleta em particular.

Como escolher a mascote?

Veja bem, ao criar a identidade visual de sua marca,  já se entendeu o objetivo de seu negócio e conheceu seu público-alvo.  Com base nisso, é hora de definir qual mascote escolher.

Você que trabalha com desenho ou caricaturas, pode ajudar seu cliente nesse processo. Há 4 tipos de mascotes:

  • animais: são bastante comuns e podem aproximar bastante o público da marca, pelo apelo emotivo. Lojas de produtos agropecuários, pet shops, clínicas veterinárias e times de futebol são exemplos de segmentos que podem escolher esse tipo de mascote;
  • humanos: também bastante comuns, têm ganhado bastante espaço no marketing. Negócios como chaveiros, revendas de carros, lojas de materiais de construção, profissionais como barbeiros, cabeleireiros, costureiras, manicures e muitos outros são exemplos de negócios que podem ter humanos como mascote.
  • objetos: uma revenda de computadores e periféricos pode ter algum objeto relacionado à área como sua mascote. Uma escola pode ter um livro ou um lápis. Dos exemplos acima, de humanos, todos podem também ter objetos relacionados ao seu negócio como mascote.
  • produtos: algumas marcas preferem ter seu próprio produto como sua mascote. Exemplo disso é a pneus Michellin, que transformou um pneu em um personagem animado.

Como criar mascotes

O curso da Caricaturbo ensina você a criar todos os tipos de caricaturas. Elas são excelentes opções para a criação de mascotes, uma vez que são caricaturas no estilo cartoon, mais sutis e não tão exageradas.

Você pode criar a caricatura que quiser, pois há moldes em várias categorias. Dessa forma, pode, inclusive, ganhar seu espaço no mercado e conquistar muitos clientes.

Para finalizar, veja alguns mascotes famosos:

  1. Assolino, da Assolan
  2. Lequetreque, da Sadia
  3. Quick Bunny, da Nesquick
  4. Bunny, da Duracell
  5. Bocão Royal, da Royal
  6. Ronald MacDonalds, do MacDonalds
  7. Tony The Tiger, da Kellogg’s
  8. Chester Cheetah, do Cheetos, da Elma Chips

E então, gostou do post de hoje? Lembra de alguma outra mascote para adicionarmos à lista? Quais das que citamos logo lhe vem à cabeça quando você pensa ou ouve sobre a marca?

Tem alguma dúvida ou sugestão? Fale conosco!

Nos vemos no próximo post!

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar